Ceará bate Vila Nova na Arena Castelão e “rouba” vaga no G4

Após empatar dentro de casa contra o Brasil de Pelotas, o Vila Nova foi derrotado pelo Ceará na noite desta terça-feira na Arena Castelão. Com gols de Elton e Magno Alves, o clube mandante entrou no G4 e acabou tirando o próprio clube colorado que está momentaneamente na quinta posição, mas ainda pode perder posição para o Juventude e o Oeste, caso ambos vençam nesta rodada.

O jogo

Os primeiros 45 minutos foram de domínio completo do Ceará. Por mais que o Vila Nova se fechasse bem no meio-campo, o Vovô explorava as laterais e criava boas chances. Ricardinho e Leandro Carvalho tiveram boas oportunidades antes de Elton marcar o gol do primeiro tempo. O atacante recebeu a bola ajeitada por Lima, de cabeça, e encheu o pé para abrir o placar no Castelão. O Vila Nova tentou esboçar alguma reação ainda na primeira etapa, mas sem sucesso.

Na volta do intervalo, o Vila Nova voltou melhor. Se o Vovô era quem dava as cartas no primeiro tempo, no segundo, o time goiano melhorou e passou a assustar. No contra-ataque, o Ceará conseguiu carimbar o travessão de Luís Carlos com Pedro Ken. Mas o Vila pressionava. Hemerson Maria fez as alterações tentando empurrar o time ao ataque. Éverson apareceu bem quando foi requisitado e salvou os três pontos do Ceará. No fim, ainda deu tempo de Magno Alves ampliar para o Vovô: 2 a 0.

Na próxima rodada, o Vila Nova recebe o Goiás no Serra Dourada no sábado (14), às 16h30. No mesmo dia, o Ceará encara o Oeste, na Arena Barueri, às 19 horas.

FICHA TÉCNICA
Ceará 2×0 Vila Nova  

Data: 003/10/2017
Horário: 19h15 (de Brasília)
Arena: Castelão

Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
Assistentes: Michael Correia (RJ) e Silbert Faria Sisquim (RJ)
4ª árbitro: Avelar Rodrigo da Silva (CE)

VILA NOVA: Luis Carlos; Maguinho, Wesley Matos, Alemão e Gastón Filgueira; Claudinei (Fernando Medeiros), Geovane, Mateus Anderson (Lourency), Alan Mineiro e Alípio (Moisés); Tiago Adan. Técnico: Hemerson Maria.

CEARÁ: Éverton; Richardson, Rafael Pereira, Luiz Otávio e Romário; Raul, Pedro Ken (Jackson), Ricardinho (Lelê), Leandro Carvalho e Lima; Elton (Magno Alves). Técnico: Chamusca.