Messi salva Argentina e América do Sul conhece seus representantes na Copa do Mundo em 2018

Na noite desta terça-feira, 10, a América do Sul conheceu seus representantes da Copa do Mundo no próximo ano na Rússia. A última rodada da Eliminatórias chegou em seu ápice com apenas uma seleção garantida na Copa, a Seleção Brasileira, que recebeu o Chile na Allianz Arena em São Paulo e bateu seu “freguês” por 3 a 0, com dois gols de Gabriel Jesus e um de Paulinho. Com o resultado, “chi chi chi le le le” ficou fora da Copa do Mundo, não conquistando sua vaga nem para a repescagem.

Falando em repescagem, o Peru buscou o empate contra a Colômbia dentro de casa com um gol de Guerrero e terminou em quinto, ficando na frente do Chile pelos critérios de desempate. Já a Colômbia terminou em quarto e foi para a Copa com a última vaga de maneira direta. O Uruguai até sofreu um susto quando a Bolívia abriu o placar, porém com show de Suárez e Cavani, os uruguaios viraram e bateram os bolivianos por 4 a 2 no estádio Centenário e garantiu a segunda colocação.

A terceira colocação ficou com os “hermanos” da Argentina, que saiu atrás do placar contra o Equador, mas com três gols de Messi, bateu por 3 a 1 e se garantiu na Copa.

– Depois disso, a seleção vai ser outra, vai crescer. Combatemos, sofremos e não podíamos estar fora do Mundial. Esse grupo merecia estar no Mundial. É importante que todos nos unamos, assim a seleção vai bem. Se todos dermos as mãos, é muito mais fácil. Hoje foi um dia importante para nós – disse Messi, em declarações reproduzidas pela conta oficial de Twitter da seleção argentina.