Vila Nova fica no empate contra Paysandu e não aproveita chance de encostar no G4

Na noite desta sexta-feira, 03, o Vila Nova visitou e ficou no empate contra o Paysandu. A partida que aconteceu no estádio Curuzu terminou com o placar de 1 a 1, gols de Wallyson para o Tigrão e Bérgson empatou a partida para os donos da casa. Agora, o Tigrão fica quatro pontos atrás do Paraná, primeiro time dentro do G4 e na próxima rodada enfrentará o Santa Cruz. Já o Paysandu com o empate permaneceu na 11ª colocação e irá enfrentar o Náutico, fora de casa na próxima rodada.

O jogo

O Vila Nova entrou em campo sabendo que seu principal rival pelo acesso para a primeira divisão, o Paraná, foi derrotado nesta rodada. Com isso, a equipe comandada por Hemerson Maria, mesmo atuando fora de casa partiu pra cima do Paysandu no estádio Curuzu. Aos 15 minutos, o goleiro do Paysandu recebeu e se enrolou com a bola, Wallyson pressionou, roubou a bola e cruzou para Moisés, porém, a zaga afastou.

Aos 16 minutos, o Vila Nova perdeu Moisés na partida. O atacante e Diego Ivo se chocaram de cabeça, o jogador do Vila precisou ser substituído e foi atendimento pelos médicos presentes no local, ficando até o restante da partida sob observação. O Tigrão seguiu pressionando, até que aos 24 minutos, após Alan Mineiro cobrar o escanteio no primeiro pau, a bola passou por todo mundo até que chegou em Wallyson que desviou para o fundo da rede e abriu o placar, a zaga do time mandante ficou pedindo falta do zagueiro Wesley Matos, porém, nada marcado.

Assim que sofreu o gol, o Paysandu empurrado por sua torcida, partiu em busca do empate e conseguiu aos 37 minutos. Após Wesley Matos bobear e perder a bola, Fábio Matos cruzou por baixo e o atacante Bérgson, que retornou ao Paysandu nesta partida após um período parado, desviou e empatou a partida.

No segundo tempo, a equipe dos donos da casa voltou pressionando o Vila Nova, que quase não atacou nos minutos iniciais. Em uma falta de longe cobrada por Bérgson e uma jogada trabalhada aos 17 minutos, levaram muito perigo ao gol defendido por Luis Carlos. Na reta final do segundo tempo, o treinador Hemerson Maria pareceu abrir mão da vitória, quando tirou o meia armador Alan Mineiro, para colocar o quarto volante dentro de campo, Fernando Medeiros.

FICHA TÉCNICA
Paysandu 1×1 Vila Nova

Data: 03 de Novembro, 2017
Local: Estádio Curuzu
Horário: 21h3o (Brasília)

Vila Nova: Luis Carlos; Anderson Luís, Wesley Matos, Alemão, Mateus Muller; Geovane, PH e Fágner; Alan Mineiro (Fernando Medeiros), Moisés (Tiago Adan) e Wallyson (Alípio). Técnico: Hemerson Maria.

Paysandu: Emerson; Ayrton, Perema, Diego Ivo e Guilherme Santos; Renato Augusto (Recife), Nando Carandina e Fábio Matos (Diogo Oliveira); Caion, Bérgson e Juninho (Wellinton Junior). Técnico: Marquinhos Santos.