Zeca entra na justiça contra Santos e Corinthians fica de olho no lateral

Em litígio com o Santos, o lateral-esquerdo Zeca interessa ao Corinthians para 2018. O interesse do rival na contratação do jogador campeão olímpico no ano passado é motivado pela possibilidade de saída de Guilherme Arana e foi admitido por Alessandro Nunes, gerente de futebol do clube. O Timão ainda não negocia diretamente com o estafe do santista, mas pode fazer uma investida caso haja a rescisão unilateral do contrato com o Peixe.

– É impossível dizer que não (há interesse). Um atleta como o Zeca, de potencial, qualificado, de altíssimo nível, eu jamais posso ignorar que um atleta desse vista a camisa do Corinthians. Mas a gente respeita muito o que está vigente hoje, que é o compromisso dele com o Santos. Não temos nenhum tipo de contato neste momento para saber o que está acontecendo, respeitamos todo o contato e a relação que ele tem com o Santos. Mas eu jamais poderia ignorar o fato de ter um atleta tão competente no futuro como o Zeca – relatou em entrevista à ESPN o dirigente alvinegro, que viu o técnico Fábio Carille fazer novos elogios pouco tempo depois.

– Me falaram hoje de manhã sobre isso, que ele está buscando rescisão de contrato. Nenhuma equipe pode se desfazer de qualidade e o Zeca foi campeão olímpico jogando pela direita, então pode jogar nas duas. Mas se está tentando isso deve ser para jogar fora do país. Vi as notícias e de qualidade ninguém pode se desfazer.

Zeca foi à Justiça do Trabalho para pedir a rescisão de seu contrato com o Santos. Ele alega que não recebeu valores a que tinha direito e ainda vive um momento de insegurança no clube, com ameaças à integridade física. O lateral-esquerdo publicou uma nota via estafe em tom de despedida do clube onde foi revelado em 2014.